Categorias
ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO EM GUARUJA ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO EM PERUIBE ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO EM RIBERÃO PRETO ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO EM SANTOS ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO EM SAO PAULO ADVOGADO ESPECIALISTA EM CASSAÇÃO NA BAIXADA SANTISTA agendamento devolução cnh AMERICANA agendamento devolução cnh BARUERI agendamento devolução cnh BAURU agendamento devolução cnh CARAPICUÍBA agendamento devolução cnh CUBATÃO agendamento devolução cnh DIADEMA agendamento devolução cnh EM ARARAQUARA agendamento para entrega de cnh suspensa em ARARAQUARA agendamento devolução cnh EM CAMPINAS agendamento para entrega de cnh suspensa em CAMPINAS agendamento devolução cnh EM COTIA agendamento devolução cnh EM EMBU DAS ARTES agendamento devolução cnh EM FRANCA agendamento devolução cnh EM GUARUJÁ agendamento devolução cnh EM GUARULHOS agendamento para entrega de cnh suspensa em GUARULHOS agendamento devolução cnh EM JUNDIAÍ agendamento devolução cnh EM LIMEIRA agendamento devolução cnh EM MARÍLIA agendamento devolução cnh EM MAUÁ agendamento devolução cnh EM OSASCO agendamento devolução cnh EM PERUIBE agendamento devolução cnh EM PIRACICABA agendamento devolução cnh EM SÃO CARLOS agendamento para entrega de cnh suspensa em SÃO CARLOS agendamento devolução cnh EM SÃO PAULO agendamento devolução cnh EM SUMARÉ agendamento devolução cnh EM SUZANO agendamento devolução cnh ITANHAÉM agendamento devolução cnh ITAQUAQUECETUBA agendamento devolução cnh JACAREÍ agendamento devolução cnh LIMEIRA agendamento devolução cnh MOGI DAS CRUZES agendamento devolução cnh PERUIBE agendamento devolução cnh PIRACICABA agendamento devolução cnh PRAIA GRANDE agendamento devolução cnh RIBEIRÃO PRETO agendamento devolução cnh SANTO ANDRÉ agendamento devolução cnh SÃO BERNARDO DO CAMPO agendamento devolução cnh SÃO CAETANO agendamento devolução cnh SÃO JOSÉ DO RIO PRETO agendamento devolução cnh SÃO JOSÉ DOS CAMPOS agendamento devolução cnh SOROCABA agendamento devolução cnh TABOÃO DA SERRA agendamento devolução cnh TAUBATÉ agendamento para entrega de cnh suspensa em AMERICANA agendamento para entrega de cnh suspensa em BARUERI agendamento para entrega de cnh suspensa em BAURU agendamento para entrega de cnh suspensa em CARAPICUÍBA agendamento para entrega de cnh suspensa em COTIA AGENDAMENTO PARA ENTREGA DE CNH SUSPENSA EM CUBATÃO agendamento para entrega de cnh suspensa em DIADEMA agendamento para entrega de cnh suspensa em EMBU DAS ARTES agendamento para entrega de cnh suspensa em FRANCA agendamento para entrega de cnh suspensa em GUARUJÁ agendamento para entrega de cnh suspensa em ITANHAÉM agendamento para entrega de cnh suspensa em ITAQUAQUECETUBA agendamento para entrega de cnh suspensa em JACAREÍ agendamento para entrega de cnh suspensa em JUNDIAÍ agendamento para entrega de cnh suspensa em LIMEIRA agendamento para entrega de cnh suspensa em SUZANO agendamento para entrega de cnh suspensa em TABOÃO DA SERRA agendamento para entrega de cnh suspensa em TAUBATÉ CARTEIRA CASSADA CASSAÇÃO DE CNH

Pandemia reduz acidentes, mas SP tem 13 mortes por dia no trânsito

Mesmo com medidas de isolamento social, acidentes fatais caem só 9,5% no estado desde 2019 e já deixam 3.642 vítimas em 2021

Volta ao 'novo normal' no fim de 2021 pode fazer taxa de mortes aumentar

Volta ao ‘novo normal’ no fim de 2021 pode fazer taxa de mortes aumentar

ESTADÃO CONTEÚDO – LUIZ GUARNIERI – 16/10/2011

quarentenaos lockdowns e o fechamento obrigatório do comércio causados por meses a fio na pandemia de Covid-19 em 2020 e em 2021 não conseguiram diminuir o perigo do trânsito no estado de São Paulo, que matou 13 pessoas por dia até setembro deste ano. 

De janeiro a setembro de 2019 houve 4.028 mortes no trânsito. No mesmo período em 2020 e em 2021 foram 3.722 e 3.642 óbitos, respectivamente, o que representa uma queda de apenas 9,5% em relação a 2019. É o que revelam dados do Infosiga-SP, do governo estadual de São Paulo, compilados e analisados pelo R7.

Em 2021, com o avanço da vacinação e a redução do isolamento social, especialistas temem que, com a volta da movimentação ao nível pré-pandemia, a taxa de mortes piore após uma série de quedas consecutivas na série histórica — em nível estadual e nacional.

“Pode haver uma piora se não houver fiscalização e se não houver conscientização. As pessoas estão ávidas por sair e confratenizar e precisam ter em mente que álcool e direção não combinam”, comenta o consultor de segurança viária André Garcia. 

Nacionalmente, os dados também demonstram pouco efeito da pandemia. Em 2020, segundo o DataSUS (Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde), 31.088 pessoas perderam a vida em acidentes de trânsito, redução de 5% em comparação com 2019 (32.879). As taxas de 2021 ainda não foram divulgadas pelo governo federal. 

“Alguns estados, inclusive, tiveram em 2020 um número de mortes de trânsito superior ao número de mortes por crimes violentos. São Paulo é um exemplo”, diz o professor especialista e delegado da Polícia Civil do Paraná Henrique Hoffmann. 

“Isso indica um estado de guerra civil no trânsito, uma conclusão a que se chega sobre o número de mortes por crimes violentos, porque o Brasil tem estatísticas correspondentes às de países em guerra”, completa. 

Perfil das vítimas

O perfil das vítimas em São Paulo se mantém ano após ano: homens jovens, entre 18 e 54 anos. Em 2021, houve pelo menos 398 mortes nessa faixa etária até setembro. Entre os tipos de veículo, as motocicletas estão em 272 fatalidades e lideram as ocorrências de longe no mesmo período.

Já o tipo de via onde ocorrem os acidentes revela igualdade entre mortes em vias municipais (1.745) e em rodovias (1.674).

O diretor-executivo da Fenive (Federação Nacional da Inspeção Veicular), Daniel Bassoli, explica que o protagonismo das motos pode ter sido causado pelo impacto socioeconômico da pandemia nos empregos e serviços.

“O número da frota de motos cresceu desproporcionalmente por causa, sobretudo, de questões econômicas. As pessoas precisam trabalhar. Os acidentes de motos não caíram como o esperado, e isso impactou esse número aquém do esperado”, comenta.  

“São pessoas que trabalham com entregas, sofrem com pressão de tempo, trabalham com condições ergonômicas ruins. Tem lei para proteger esses usuários, mas a resolução Contran 359 [sobre inspeção técnica em veículos] não é cumprida.”

Vale ressaltar que a maioria dos registros do Infosiga não apresenta nível de detalhamento que permita conhecer o perfil da vítima e do veículo. Neste ano, a informação é desconhecida em 2.989 dos casos (82% do total). 

Perfil das vítimas e dos veículos em São Paulo

Perfil das vítimas e dos veículos em São Paulo

Evolução

Apesar do alto número de mortes atualmente, os registros vêm caindo nos últimos anos em São Paulo e no Brasil. No estado, as estatísticas abaixaram 24% desde o pico do série histórica estadual, que começa em 2015, e estão no menor patamar em 2021.

Para que os registros diminuam ainda mais, especialistas afirmam que as ações de fiscalização e autuação são essenciais para o estado, que está em situação melhor do que a média nacional.

Contra esse movimento, argumentam, estariam políticas para diminuir o número de multas e aumentar o número de pontos para a perda da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). “Você precisa ter um sistema estatal que puna de forma exemplar. Se o cidadão tiver certeza da punição, caso venha a cometer alguma falta, isso diminuirá bastante”, diz André Garcia.

Metodologia 

R7 coletou os dados da “Base Completa de Óbitos” do site Infosiga-SP. Diferentemente do que o órgão apresenta em destaque em seu site, o R7 não filtrou para o levantamento apenas os óbitos que ocorreram em até 30 dias depois do acidente.

Fonte: https://noticias.r7.com/sao-paulo/pandemia-reduz-acidentes-mas-sp-tem-13-mortes-por-dia-no-transito-25102021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *